“We work in the dark - we do what we can - we give what we have. Our doubt is our passion, and our passion is our task. The rest is the madness of art.”
Henry James


quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Na Sarjeta encontra o Órbita Literária para falar sobre adaptações


Estarei junto com os amigos do grupo Na Sarjeta (que promove bate papos sobre quadrinhos e suas relações com o mundo) num "crossover" com o Órbita Literária, para falar sobre adaptações de obras para outras mídias. Confira o release oficial:

Adaptar uma obra vai muito além de transpor a história de uma mídia para a outra. É como um jogo: cada ambiente tem suas próprias regras, e encontrar um equilíbrio entre fidelidade ao material original e a originalidade do meio adaptado é um trabalho árduo. Para adaptar, tem que dar muito duro! O coletivo Na Sarjeta, que há dois anos discorre sobre os quadrinhos e suas relações com o mundo, faz um “crossover” com o Órbita Literária para falar do cruzamento entre mídias e das dificuldades de se adaptar uma obra.

O quarteto é formado por entusiastas e profissionais com bagagem na mídia quadrinhos, e são especialistas em áreas diversas, o que permite um grupo heterogêneo e capaz de analisar a narrativa além da mídia.

Anderson Silveira é analista de relações internacionais, com foco em Oriente Médio, especialmente Irã. Publicou duas HQs na década de 2000.

Marco de Menezes é poeta, psicanalista e editor premiado. Já foi patrono da Feira do livro de Caxias do Sul, e é um entusiasta e conhecedor de HQs.

Quim Douglas é roteirista de cinema, teatro e TV, com foco em Antropologia Cultural, tendo atuado em trabalhos no Brasil, Argentina e EUA.

Rafael Rodrigues é Filósofo, redator, roteirista e divulgador científico. Escreve para sites brasileiros e portugueses e faz quadrinhos desde 2001.

0 comentários:

Postar um comentário

Algures na Web

Postagens populares